Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]


Era, era

por blogdocaixote, em 19.04.16

Aquela teoria de que antes de entrarem na faculdade os jovens deviam ir abrir horizontes durante um anito, numa viagem ou trabalhando?

Esqueçam. Era logo ali entre os 12 e os 15. Os putos que tivessem entre 12 e 15 anos deviam ser obrigados a tirar uma licença sabática e ser impedidos de frequentar a escola enquanto não tivessem ido abrir horizontes, ali na obra da esquina a assentar tijolos ou no café do bairro a lavar o chão e as chávenas do abatanado.

Era, era.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:46


5 comentários

Imagem de perfil

green.eyes a 19.04.2016

E será que não ficavam ainda mais aparvalhados !!!
Imagem de perfil

blogdocaixote a 19.04.2016

Não sabemos... mas era fixe tentar...
Imagem de perfil

Niki a 19.04.2016

Muito se perdeu desde que é "proibido" os jovens irem trabalhar no Verão... fazia um bem danado
Sem imagem de perfil

Ricardo Serafim a 26.10.2016

Bem, eu aqui discordo qql coisa !
Um periodo destes deve ser gozado já com uns bons anos de trabalho, só assim vale a pena porque temos dinheiro para o fazer e podemos aproveitar o melhor de nós e o que precisamos de aprender.

As crianças, os adolescentes, os jovens adultos, devem focar-se naquilo que querem fazer. Isto aprende-se desde sempre, porque cabe aos pais esse acompanhamento. Mostrar as opções e criar espirito critico nos novos seres do mundo.
Escolher uma formação é algo dificil, todos sabemos, mas por isso é que tem de ser preparado desde cedo, e nao no 12º ano xD
Imagem de perfil

blogdocaixote a 27.10.2016

Ricardo, confesso que escrevi isto no fim de uma manhã a aturar adolescentes "ranhosos" e enjoados com tudo. Naquele dia, apetecia-me acabar com a escolaridade obrigatória e expulsar do ensino todos aqueles que andam a marcar passo e a "estragar" o ambiente das escolas. Na verdade, sei que é fundamental que os miúdos estejam inseridos no sistema de ensino até ao 12º. Só tenho pena que as escolhas que lhes oferecem não sejam adequadas.

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D