Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Pata: difícil de enquadrar

por blogdocaixote, em 07.07.18

Eu quero entrar para o clube dos gatos. 

IMG_20180707_120429.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 13:14

Animais de estimação

por blogdocaixote, em 04.06.18

Os peixes desta casa devem pensar que são piranhas. De cada vez que alguém entra na sala, os gajos saltam na água como se nos quisessem apanhar e comer. Ainda bem que não passam de peixes de aquário. Às vezes tenho medo deles. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 23:26

Pata

por blogdocaixote, em 04.02.18

Tinha o meu gato Preto morrido há algum tempo, em circunstâncias que me são muito dolorosas de lembrar, quando a senhora que fazia limpezas lá em casa chegou um dia com a notícia de que um gatinho bebé tinha sido abandonado na varanda de uma vizinha, umas casas acima.

Curiosa, fui ver. Era uma gatinha preta, esguia e cheia de fome e frio. Peguei nela, sem pensar muito (típico em mim) e levei-a para casa. Não sabia muito bem o que ia fazer com a bicha, mas não queria deixá-la naquela varanda. A tal vizinha, dona da varanda não iria mexer uma palha ou talvez fosse levá-la a outra varanda qualquer da vizinhança e a gatinha acabou por ficar lá por casa. 

Chamei-lhe pata, porque era essa a alcunha da vizinha. A pata cresceu, entre casa e a rua, foi esterelizada antes do 1º cio e por lá esteve. Uns meses depois de a "adotar", engravidei da Mr. A pata deitava-se em cima da minha barriga e dava-lhe lambidelas, vinha esperar-me à porta de casa, a minha mãe já sabia que eu estava a chegar, e vinha atrás de mim, pedindo mimo. 

Quando a Mr. nasceu, afoguei-me num misto de paixão pela bebé e de um baby blues que me fizeram negligenciar a gata. Em resposta, a pata começou a fazer xixi em cima de tudo o que cheirasse à Mr. 

Um ano depois, vim morar para esta casa, pertinho o IC2 e dado o estado de ciumeira doida da pata, decidi deixá-la com os meus pais.

Entre Belmonte e Baltar, a pata foi vivendo. Ainda vive, calma, este texto não é o anúncio da sua morte. Acontece que, com a mudança da casa, os meus pais "devolveram" a gata à dona. E, agora, contrariamente àquilo que sempre anunciei (NÃO QUERO ANIMAIS EM CASA, NÃO QUERO), somos donos de um gato.

A pata está à minha espera quando chego a casa, sente uma mistura de ódio/amor pelas miúdas e pelo M., pede-me para ir para a cama e que lhe abra a torneira do bidé para beber água.

Todos os dias tenho de aspirar a casa e mudar-lhe a areia, mas é muito agradável ouvir-lhe o ronronar assim que a chamo "paataaa"...

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 19:42

Canibalismos há muitos

por blogdocaixote, em 19.04.17

Partimos para férias deixando um rasputine às portas da morte. O peixe ora ficava quietinho no fundo do aquário, ora desatava a dar ao rabo e a comer... Não sabíamos se o mandávamos pela sanita, se o deixávamos no aquário, não fosse o gajo recuperar. Quando chegarmos, não vai haver peixe para contar história, os outros vão come-lo, vais ver. Disse eu. O meu marido olhou para mim, encolheu os ombros e murmurou qualquer coisa semelhante a vão lá agora comer o peixe.... Chegamos e não havia peixe para contar a história, nem um bocadinho a boiar... Temos peixes canibais e não sabíamos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 13:37

creepy

por blogdocaixote, em 10.01.17

Ontem, estava sentada a preparar aulas quando comecei a ouvir uns ruídos estranhos, nada de muito sonoro, eram uns toques em alguma coisa, uns roçares... eram barulhos novos na minha sala. Olhei para os lados, quieta e muda, baixei ainda mais o som da música que me acompanhava e fiquei alerta. Que pôrra eram aqueles sons?

Eram os estúpidos dos peixes, a baterem nas paredes de vidro do aquário. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 13:30

pets

por blogdocaixote, em 09.01.17

Os peixes chegaram no sábado à tarde. O pai foi com elas comprá-los e em vez de dois comprou quatro, um peixe para cada membro da família. O da Mr. é o bubble gum, o da Gr. manteve-se Felini, o meu é o Rasputine, aka Ras e o do pai é o Blackie. Está-se mesmo a ver quem é que anda desesperado por um cão!

 

Nota: os peixes sobreviveram o resto do fim de semana e o aquário é do mais kitch que pode haver. 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:26

elas venceram

por blogdocaixote, em 06.01.17

Vamos ter um animal de estimação, melhor, dois!

A Gr. já escolheu o nome do seu: Felini (é muito culta, a miúda!)

A Mr. ainda não decidiu.

Já foram avisadas de que os animais democraticamente escolhidos são seres muito sensíveis (o que é sensíveis, perguntou a Gr.) e que poderão morrer muito pouco tempo depois de virem cá para casa.

Saem dois peixinhos para a mesa do canto. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 15:00

faltou-me um bocadinho assim

por blogdocaixote, em 29.02.16

para dizer aos meus pais para deixarem cá ficar a pata.

Tu cala-te, M. porque é a pata, nem te atrevas a tentar meter cá em casa um gato qualquer.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 16:36

para registo

por blogdocaixote, em 24.02.16

Foi o primeiro animal que entrou lá em casa. Era a gatinha ou a xaninha. Foi o Marco quem ma deu, pequenina, bufona, mázinha mas muito miminhas.

Morreu esta semana, nos meus pais.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:57

para registo

por blogdocaixote, em 23.03.15

O vomitado foi apanhado pelo M. cerca das 17.30.

Fique em ata!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:12


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D