Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Como estragar cerejas

por blogdocaixote, em 01.07.18

"Se fosse a ti, abria as cerejas antes de as comer."

E pronto, não há mais cerejas para mim. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 13:19

O que é que faço para o jantar?

por blogdocaixote, em 08.06.18

O quê? 

De vez em quando lembro-me e faço ementas semanais. Munida dos ingredientes de que vou necessitar para cada refeição lá vou eu à minha segunda casa (o supermerado alemão). Quando chego a casa cozinho o que estava definido ou troco as voltas mas não há drama.

O problema é que este "de vez em quando" é uma coisa pouco frequente.

Por isso, a maior parte das vezes ando o dia todo a pensar "mas o que é que vou fazer para o jantar, o quê?"

E é um drama (de 1º mundo, está bem! eu sei, eu sei), porque gosto de cozinhar coisas de que todos gostem, gosto de variar e gosto que seja minimamente saudável.

O que faço para o jantar, o quê??

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:16

Sou fraquinha

por blogdocaixote, em 19.04.18

IMG_20180419_203938.jpg

Diz que é médio, mas estou quase a falecer. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 20:40

panar

por blogdocaixote, em 19.12.17

Deitar o ovo batido para dentro do recipiente onde estão as tirinhas de frango e a seguir pão ralado não é a mesma coisa que panar. Não funciona, para o caso de alguém querer tentar...

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 21:26

Comer sem vesícula

por blogdocaixote, em 30.11.17

Estou a fazer um jantar tão bom: carne assada lentamente. Está no forno desde as 4.30 e desfaz-se no garfo, já sai do osso. As batatas que estão no tabuleiro ao lado cheiram tão bem! Espero que a malta goste. Eu vou comer frango cozido.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 19:47

comer sem vesícula

por blogdocaixote, em 29.11.17

(o prémio para título do ano)

Estou, para já, condenada a uma alimentação baseada em cozidos e grelhados sem gordura.

Na semana passada, comi muito peito de frango cozido (iac) ou grelhado.

Esta semana, andei mais pelo peixe. É preciso ter muita imaginação quando se está preso a um determinado tipo de dieta.

Hoje, ao jantar, enquanto o resto da malta se empanturrava de pizza, até comi bem.

Cozi no vapor uma posta de salmão e umas batatas aos gomos. Até aqui nada de novo. Fiz um molho com iogurte natural magro, alho picadinho e coentros. Barrei a posta de peixe com ele e salpiquei as batatas. Muito bom. Lembrei-me de ti, Mula. É uma cena que se faz em 10 minutos, sabe bem e não engorda. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:29

"Há alguém mais gulosa do que eu"

por blogdocaixote, em 12.09.17

Nas vésperas de descermos ao Algarve fui com o M. a Coimbra. Ele foi fotografar uma blogger / doceira para a revista dos produtos Amanhecer.

Gosto de ir com ele, por vários motivos, entre eles conhecer pessoas novas envolvidas em trabalhos interessantes e desta vez não foi exeção. Se calhar, já muita gente ouviu falar na Mafalda Agante, do blog "Há alguém mais gulosa do que eu", mas eu não fazia ideia de quem era.

Chegámos a Coimbra um pouco antes da hora marcada e o M. foi partilhando comigo as ideias que tinha para as fotografias.

A Mafalda chegou uns minutos atrasada, com sacos e caixas, desculpou-se muito, visivelmente aborrecida consigo por nos ter feito esperar, ainda que tenha sido por pouco tempo, e começou a "montar" a sua loja com os bolos que tinha trazido para serem forografados juntamente com a própria. 

A lojinha onde vende os seus doces e outros tradicionais, vindos de vários pontos do país, é pequenina, mas de muito bom gosto, assim como a louça onde os apresenta.

A Mafalda, à nossa frente, foi dispondo os doces que trazia, enquanto o M. ia fotografando tudo o que podia, exeto a doceira. Todas as ideias que o gajo tinha para a fotografar eram postas de lado, a Mafalda não queria ser fotografada. Eu comecei a passar-me um bocado, estava cheia de fome, ver passar diante de mim toda uma série de doces e não os poder comer mais a atitude da rapariga já me estavam a deixar mal disposta. Saí de cena e fui dar uma volta. Lanchei umas cenas saudáveis e regressei à loja. 

O M., falando disto e daquilo, fotografando daqui e dali, já tinha feito grande parte das fotografias que tinha levado na cabeça fazer. Afinal, a Mafalda era apenas uma rapariga que acha que fica mal em todas as fotografias e o fotógrafo foi-lhe dando a volta, conseguindo fotografias giras. 

No final, arrumámos o material e estávamos prontos para sair quando a Mafalda nos perguntou o que queriamos lanchar. Atenção, ela não perguntou se queriamos lanchar. Fez-nos sentar na única mesinha que existe no interior da loja e, com gosto e orgulho, foi-nos dando a provar TODOS os doces que são feitos por ela que nós conseguimos comer. Nunca comi um toucinho do céu tão bom. Ainda me babo quando me lembro da orgia de doçaria que para ali houve.

E, quando achávamos que era tempo de ir embora, começou a pôr em caixas fatias de TODOS os outros doces que não conseguimos comer na loja. 

Que tarde extraordinária. 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:24

Acordo e digo para mim que tenho de arrumar tudo o que anda por aí espalhado, fora de sítio. Tomo o pequeno-almoço e opto por me sentar ao computador, afinal para quê arrumar aquilo que daqui a dias vai voltar a estar desarrumado?

 

Não sei que faça para o almoço e digo para mim que vou comer algo saudável. Enquanto faço a refeição, decido que até mereço uma coisa menos saudável. A vida são dois dias e bom, bom é comer.

 

Vou no carro, acelero, ainda quero ir ao ginásio, preciso de malhar, mas caramba, ando sempre a correr de um lado para o outro, que stress, a vida não pode ser isto, hoje afinal não vou.

 

Tenho de tratar de mim, não posso estar sempre a comer o que me apetece, a não ir malhar. Que caraças, tenho um corpinho fixe, aceito-o como é, não preciso de estar sempre preocupada com o que como ou deixo de comer, com o exercício que faço ou não faço, aceito o corpo que tenho que não é mau para quem já pariu duas vezes, não pá, não, porque o corpinho é assim fixe porque não comes só o que te apetece e fazes exercício, vai ao ginásio, pá! 

 

É isto, todos os dias isto! 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:30

"esparguete" de courgete

por blogdocaixote, em 29.08.17

Espiralize-se uma courgete, descascada. Salteie-se em alho e azeite. Escorra-se a água que liberta durante o salteamento. Coma-se. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 19:32

comer

por blogdocaixote, em 20.04.17

Gosto de comer!

Pronto, já disse.

Estou sempre a pensar no que vou comer a seguir, sempre a pensar em coisas para comer e no que hei-de fazer ao jantar e ao almoço e no que posso comer ao lanche da manhã e da tarde e no meio dessas refeições todas.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 15:17


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D