Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

mais um que diz nada de jeito

por blogdocaixote, em 22.01.20

À minha volta, pessoas cheias de cancros. Dar graças por nenhuma delas ser meu pai, minha mãe, meus irmãos, filhas ou marido é uma ação egoísta? Falta de chá, insensibilidade? Escrever isto aqui piora as coisas? faz de mim uma besta?

É difícil falar/ escrever sobre estas coisas, no entanto, na verdade, é só quase esta questão que me ocupa os dias, se excluirmos o trabalho (os putos andam doidos) e as minhas miúdas (as miúdas andam doidas).

Por isso, calo-me. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:15

Notas soltas

por blogdocaixote, em 15.01.20

Já desdecorei a árvore de natal, falta desmontá-la.

A luzinhas estavam todas enredadas e pensei seriamente na possibilidade de deitar fora os papelinhos amarelos que têm palavras escritas por cada um de nós, do segundo calendário do advento, se não estou em erro. Se pensei, melhor o fiz. Deitei-as fora. Agora que vejo isto escrito sinto-me uma besta.

Por falar em calendário do advento, as coisas andam tão más no que toca a convívio familiar que estou a pensar elaborar um calendário do carnaval, chamar-lhe-ia "carnis vale calendarium", aproveitavamos a onda e deixavamos de comer carne, ao mesmo tempo que fazíamos cenas todos juntos que não fossem só ver séries (maldita netflix). 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 11:49

a maldição das máquinas de lavar

por blogdocaixote, em 09.12.19

Nesta casa, há uma maldição: as máquinas da roupa não aguentam! 

Há cerca de um ano, a máquina avariou de vez. O pai comprou uma em segunda mão (um excelente negócio, que acabou com a dita máquina a ser vendida para peças, depois de meses de sucessivas tentativas de reparação e de meses com roupa mal lavada). Em abril, comprámos uma máquina nova, linda de morrer e eficiente.

Mas que fazia um estardalhaço jeitoso no momento da centrifugação, fosse a baixas ou a altas rotações. Achei eu que andava a aproveitar-me da máquina, enchendo-a de mais e fui metendo cada vez menos roupa. Ouvindo as máquinas dos vizinhos achei que seria normal apesar de a máquina ser nova. "Olha, faz parte, coitadinha, dá-nos musiquinha quando acaba a sua função, mas antes ensurdeceu-nos."

O marco não se convenceu e chamou a assitência técnica. Veredicto: a máquina vinha da linha de montagem com dois parafusos soltos. Bham! Samsung!

E agora? máquina a ser arranjada, montanha de roupa para lavar e vontade zero de ir à lavandaria pública.

Para já, ainda há cuecas lavadas.

Meias... já não. 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:51

na busca de pequenos nadas

por blogdocaixote, em 25.11.19

Andar o dia todo mais ou menos desconfortável, com as calças da moda e dois pares de meias calçadas que teimam em enrolar-se pela canela,

com aquelas cuecas mágicas que vão diretamente para o lixo assim que as tiras,

chegar a casa e tirar calças, meias,

enfiar uma calças polares e meias a condizer,

ah! os pequenos prazeres da vida!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 19:03

fala-se de pão

por blogdocaixote, em 24.11.19

Ainda não eram onze da noite quando dei por mim esparramada no sofá, num momento de pré sono do qual não sou comprovadamente adepta, por isso resolvi pôr o corpo na cama.

Antes das nove da manhã já estava sem sono, a rebolar no colchão.

Tinha expressado junto de um certo marido a minha vontade de comer regueifa ao pequeno-almoço e o marido tinha acenado que sim, sim, eu comeria a minha regueifa, mas o certo marido dormia ali, ao meu lado, um sono do qual não tive coragem de o tirar.

Levantei-me e às escuras fui tateando em busca de roupa. Com receio fundado de ter vestido uma meia de cada cor e cuecas dele em vez de minhas, saí de fininho. Aparentemente, estava tudo bem.

Dirigi-me à padaria flora, já a aviar regueifas a cem à hora e vim para casa com as minhas. Saídas há pouco do forno, exalavam um cheirinho delicioso. Ainda comprei o jornal do paterfamilias e só depois vim para casa. Sentei-me à mesa e por respeito a quem vinha a seguir, usei a faca. A minha vontade era arrancar dois nacos e barrá-los com manteiga. Assim, papei duas fatias, acompanhadas por uma chávena de leite fumegante. Ah! regueifa! Quentinha, estaladiça, a pingar...vivam os pequenos prazeres da vida! 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:48

disponibilidades

por blogdocaixote, em 06.11.19

Dou por mim com os dias cheios, entre gerir casa que vive em permanente caos e gerir trabalho. Não sei se vou fazer aqueles "quadros de bom comportamento" que prometi aos miúdos, se acabo de fazer as grelhas excel, se confirmo as aprendizagens essenciais ou se termino esta ficha para aqueles dois alunos com necessidades especiais Ai! agora não posso dizer nem escrever isto, é miúdos que estão no artigo cinquenta e qualquer coisa, eu tenho-o aqui todo sublinhado, mas não há maneira de lhe fixar o número...

não sei se faça uma dessas coisas, está visto que tudo ao mesmo tempo não consigo, se vá apanhar aquela roupa e estender a que está na fila de espera do estendal, mas espera! cheira-me a xixi de gato, tenho de ir limpar a caixa da gata...

se calhar vou ali gerir aquela birra, tanta birra e pequenas obsessões,

filha, a mãe não consegue estar o tempo todo a explicar-te porque não posso ir à boxe procurar o anúncio daquele brinquedo, agora não, tu já viste a montanha de coisas que tenho de fazer? e vamos chegar atrasadas!

Mas.... espera... que falta de disponibilidade mental é esta para o que mais interessa nestas nossas vidas se escolhemos pôr filhos no mundo? esta falta de disponibilidade para educarmos os nossos filhos? de onde veio esta inversão nas prioridades? Gabriela? é mais importante chegar a tempo à escola ou fazer ver qualquer coisa importante aos teus filhos? é mais importante aquele papel ou veres com calma e atenção a ficha que a miúda te mostra, toda orgulhosa do resultado?

É mais importante arrumar a cozinha ou ir acalmar aquela filha que agora percebeu que se enganou em algo que para ela é importante? 

A falta de disponibilidade mental para aquilo que realmente importa.... isso é que precisas de gerir... esquece lá a roupa, mas depois andamos nús....

esquece lá os testes que é preciso corrigir, mas depois como faço a avaliação...

que caraças de vida.

Acabar o trabalho a horas de ainda ser capaz de estar com a família. Isso é que era! 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:41

esta tipa só sabe escrever sobre piolhos, arre!

por blogdocaixote, em 04.11.19

Não escrevo só sobre os bichos.

O problema é que tenho escrito muito para mim e só quando venho ao blog como visita é que tenho consciência de que para "fora" só aparecem os textos sobre os parasitas.

Esta é mais uma daquelas fases em que não encontro nada de jeito para dizer nem nada me inspira. 

Deve ser da humidade.

Ah! comprei bilhetes para Nick Cave. É a minha prenda de natal para o m.

Deixei de ver espetáculos que não poderei nunca mais ver, porque entretanto as pessoas morreram, tal como Leonard Cohen... mas deste já não poderei dizer o mesmo.

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 12:49

eu sou o Tintin

por blogdocaixote, em 14.10.19

E ter os pais cá em casa, às vezes, é como ter o Dupont e Dupont. Um diz:

 - se calhar, vai chover.

O outro, um bocado mais atrás na rua, acrescenta:

 - e vai chover!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 09:45

só para ficar registado

por blogdocaixote, em 09.10.19

Às terças-feiras faço 113kms e no meio dou 5 horas de aulas.

Não sou professora, sou outra coisa qualquer que inclui calcorrear estradas e estradinhas. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:33

eu tento

por blogdocaixote, em 06.10.19

Até há uns tempos, as palavras deslizavam da cabeça diretamente para as pontas dos dedos.

Eram como água a jorrar de uma fonte.

Hoje, parece que a fonte secou.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 16:50


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D