Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Do céu caiu uma estrela

por blogdocaixote, em 22.05.20

Ficava aqui enroladinha como um bicho de conta, a descansar um bocadinho, e ninguém me chateava. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:15

Continuo confinada, continuamos confinados.

As nossas rotinas mantém-se: saímos para ir às compras, ele ao supermercado e eu à frutaria.

As miúdas saem à tardinha, comigo, para espairecer. Não vemos ninguém nem falamos com ninguém pessoalmente.

Há dias em que quero acabar com esta merda toda, estou farta de estar dependente da internet para todos os contactos, sejam pessoais, sejam profissonais.

A economia não pode parar. Continuamos a pagar as nossas contas (porque podemos, felizmente), a comprar aquilo de que necessitamos. Em que é que não gastamos dinheiro agora e antes gastávamos? em gasóleo, gasolina. Não almoçamos/jantamos fora, mas mandamos vir, quando eu estou com vontade de implodir a cozinha.

Nunca fui pessoa de ir com frequência a cabeleireiros/esteticistas nem de comprar roupa, por isso não é por minha causa que esses negócios deixam de trabalhar. 

Mandamos vir coisas de que necessitamos de lojas físicas, na medida do possível...

pagamos uma parte da mensalidade do atl,  (mesmo sem usufruir de ajuda nos trabalhos de escola), outra da ginástica agora que a miúda começou a ter aulas via zoom...

não sei muito bem onde quero chegar com isto, mas é mais ou menos aqui: vamos manter-nos confinados sem problemas de consciência com a "economia parada", porque fazemos a nossa parte, na medida do possível (porque podemos). Injustiças? não tenho problema nenhum em continuar a receber o meu salário por inteiro, devia receber o dobro, se trabalho agora muito mais... 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:24

grilhetas

por blogdocaixote, em 07.04.20

Ele vai construir cenas e coisas

eu sento-me no sofá e tento perceber isto de tecnologias à distância, mas a ansiedade paralisa-me e só tenho vontade de mandar tudo para o caralho, assim, com as letras todas.

supostamente as "aulas" começam dia 14.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:45

só para memória futura

por blogdocaixote, em 22.03.20

Sou a primeira a levantar-me (durmo mal). Cozinha, pequeno-almoço de pão torrado e cevada (deixei o leite). Cirando pela casa, faço coisas pequeninas, ando meia perdida.

Quando o resto da casa se levanta, tomo banho e visto-me. Nos primeiros dias, sem problemas, nos últimos empurrando-me a mim própria. É difícil decidir o que vestir. As calças de ginásio têm sido as minhas colegas. Nos primeiros dias não, vesti calça de ganga. depois de vestida e calçada tiro um café e a mexê-lo saio. Subo um bocadinho da rua e assobio. A rita vem à janela e tomamos café assim, ela na varanda e eu cá em baixo. A júlia vem dizer bom dia e mandar coisas cá para baixo. Gosta que eu as devolva várias vezes.

Jogamos conversa fora. 

Volto para casa. lavo as mãos. oriento trabalho, meu e delas. nos primeiros dias foi a loucura. (agora, estou numa espécie de limbo, não posso continuar dependente de uma página web onde quase nenhum aluno põe os pés, se já era difícil fazê-los trabalhar em tempo de aulas agora é impossível).

Faço almoço, arrumo cozinha, estendo roupa, volto a orientar trabalho das miúdas. o whatsapp não pára, nos primeiros dias o telemóvel fumegava.

faço jantar, arrumo, enterro-me no sofá.

Entretanto,  já dei por mim a limpar portas e rodapés. faço exercícios todos os dias, com a mais nova. vejo netflix.

se saio à rua (aconteceu duas vezes), instintivamente afastei-me de tudo o que era gente.

Será que vamos ser capazes de abraçar e beijar quando isto passar?

deito-me mais ou menos cedo, mas durmo mal. 

Amanhã é outro dia. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:15

vamos passear um bocadinho para o meio do monte

por blogdocaixote, em 15.03.20

vamos dar uma volta, arejar, amanhã pensamos na forma como vamos dividir o tempo entre trabalho e estudo das miúdas, amanhã...

vamos jipar.

mete o jipe aí no meio dessa poça, não, mete, passa, não passa, passa, anda, não, sim.... não

água a entrar pelo jipe, o motor a fumegar, as miúdas a chorar, a mãe a rir, as miúdas mas porque é que te estás a rir o pai metido na água até aos joelhos depois de ter levado filhas e mulher para seco avalia estragos, miúdas choram, mãe ri-se feita maluca

um jipe aparece em sentido contrário, reboca o nosso, a água a escorrer de todo o lado, agora também as miúdas conseguem rir, a água cheira mal

jipe na garagem a ser limpo pelo pai, miúdas a preparar banho de espuma

conseguimos acabar com a nossa quarentena e com a da família que nos rebocou o jipe

espero continuar a rir-me daqui a duas semanas

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:01

diz que está aí

por blogdocaixote, em 13.03.20

Ontem vi papoilas e os campos estão cheios de malmequeres.

Contive-me pela falta de bermas na estrada e não parei, com aquelas papoilas retidas na retina. 

Adoro papoilas e campos amarelos, banhados pelo sol. 

Digo que está aí a primavera (estavam à espera de quê?).

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 11:15

só merda

por blogdocaixote, em 09.03.20

Acabei de ver the good place

com uma sensação angustiante de "e agora?"

nem me dei tempo de fazer o luto e comecei sex education, segunda temporada

tanto adolescente a fazer sexo, caramba, não deixa de ser estranho ver uma série em que damos por nós a ver adolescentes a ter sexo

pedi à professora de ginástica que me desse o plano de aulas, um bocado cansada de chegar e ter de gramar com cenas como aerodance ou zumba especial

eu venho na mesma, garanti-lhe, só preciso de estar preparada psicologicamente para dar voltinhas e fazer mambos e essas cenas 

mas na quinta era aerodance e não fui

quero cansar o corpo e garantir que os meus músculos ainda lá estão, não quero lixar a cabeça a pensar se agora giro para a direita ou se dou um pulinho para a esquerda 

tenho acordado com uma sensação de peso e asfixia no peito, que em certos dias de mantém, noutros desaparece 

até dei por mim a googlar sintomas de ataque cardíaco na mulher

mas acho que não tem nada a ver com ataques de coração no sentido literal

deve estar relacionado com o sentimento geral de estar a falhar em tudo, que se agudiza com a porcaria da tpm 

dou por mim com uma vontade incrível de me atirar para cima da cama e ficar lá

porque é que não inventam uma cena para controlar esta merda? 

a máquina da loiça pifou e o meu computador está a dar sinais de demência

a máquina da roupa, nova, chegada há duas semanas, faz o mesmo barulho da velha, mas já consegui reduzir a quantidade de roupa para lavar, venham mais uns diazitos de sol e acho que esvazio o cesto da roupa suja

nem tudo é mau no reino da dinamarca hoje está sol e não vou dar aulas

o corona chegará à freixianda?

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 13:27

notas soltas para encher chouriço

por blogdocaixote, em 19.02.20

Na semana passada, juntei-me a duas senhoras/meninas que resolveram baldar-se às aulas de tarde e fomos arejar as ideias. Não saímos daqui da zona, embora o sol convidasse a passeios à beira mar.

O pai fez o nosso jantar de dia de são valentim e no sábado de manhã acordou com dores de dentes.

A miúda mais nova, de acordo com recado escolar, deverá ir mascarada, já nesta sexta-feira, de rainha. Como não vem especificado que tipo de rainha, estou a ponderar a hipótese de a vestir de Madonna, a rainha da pop.

Ontem, após o almoço, na escola onde dou aulas de tarde, no caminho entre salas de professores, um miúdo do primeiro ano mandou-me uma sapatada na zona íntima, que eu aqui costumo apelidar de pipi.

Não posso deixar registado o que lhe fiz - ao miúdo, não ao pipi - sob pena de me considerarem uma besta. 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:02

só pra não me esquecer

por blogdocaixote, em 12.02.20

Aqui há umas semanas, para efeitos experimentais no âmbito teatral, fumei uma cenas.

Como canta Courtney Barnett

I was never good at smoking bongs.
I'm not that good at breathing in.

Provavelmente, nunca serei aquele tipo de pessoa capaz de sentir aquelas trips boas que, supostamente,  a erva proporciona, o que, a bem da verdade, é uma bela merda.

As únicas coisas que senti foram: náuseas e vómitos, associadas a relativo desconforto intestinal.

Bela merda! 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 10:48

mais um que diz nada de jeito

por blogdocaixote, em 22.01.20

À minha volta, pessoas cheias de cancros. Dar graças por nenhuma delas ser meu pai, minha mãe, meus irmãos, filhas ou marido é uma ação egoísta? Falta de chá, insensibilidade? Escrever isto aqui piora as coisas? faz de mim uma besta?

É difícil falar/ escrever sobre estas coisas, no entanto, na verdade, é só quase esta questão que me ocupa os dias, se excluirmos o trabalho (os putos andam doidos) e as minhas miúdas (as miúdas andam doidas).

Por isso, calo-me. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:15


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D